Descolonizar textos bíblicos é fundamental: Uma análise feminista Pós-colonial de interpretações bíblicas fundamentalistas

Data: 
Thu, 14/12/2017 - 17:00
Local: 
Sala 2, CES-Coimbra - Coimbra

GENDER WORKSHOP

Descolonizar textos bíblicos é fundamental: Uma análise feminista Pós-colonial de interpretações bíblicas fundamentalistas

Isabel Felix (CES)

14 de dezembro de 2017, 17h00

Sala 2, CES | Alta

Resumo

Diversos movimentos sociais emancipatórios têm afirmado que o crescimento e a mobilização dos fundamentalismos religiosos é um dos grandes desafios para o processo democrático e para o avanço de políticas públicas em prol da cidadania no Brasil. Os discursos promovidos pelo fundamentalismo religioso, tanto no interior de suas igrejas como no espaço público brasileiro traz como temas centrais “a defesa do modelo de família “natural”, do papel tradicional das mulheres, e a consequente oposição à descriminalização do aborto. Uma das características dos grupos religiosos fundamentalistas cristãos é a leitura e interpretação dos textos bíblicos de forma literal sem questionamentos. Consideramos importante ressaltar que, quando o fundamentalismo exige que as pessoas obedeçam e se submetam aos livros sagrados, sem avaliações e questionamentos, ele está defendendo um poder de dominação ou poder imperial.

Frente a esta realidade sócio-cultural-religiosa, esta palestra se propõe a refletir a complexidade dos discursos bíblicos fundamentalistas promovidos pelo Ministério de Louvor Diante do Trono (MDP), um grupo da Igreja Batista de Lagoinha, uma Igreja do campo evangélico-neopentecostal brasileiro localizada na cidade de Belo Horizonte. A principal indagação gira em torno do caráter performativo retórico dos textos bíblicos utilizados por este grupo e como este mecanismo opera em seus discursos e estratégias pedagógicas. Esta análise será feita a partir de uma perspetiva feminista dos estudos Pós-coloniais e das Teologias feministas Pós-coloniais.

Palavras-chave: Fundamentalismo Religioso – Teologia Feminista Pós-colonial – Estudos Pós-coloniais.

Nota biográfica

Isabel Felix - Pedagoga. Mestrado e Doutorado em Ciências da Religião pela Universidade Metodista de São Paulo Brasil. Professora na área de Educação e Teologia. Como professora visitante no Programa de Pós-Graduação da Universidade Metodista de São Paulo trabalhou com a disciplina Teologias Feministas: diálogos contextuais e pós-coloniais na teologia e na Ciências da Religião. Na Educação Popular coordenou um Projeto de Alfabetização de Adultos na Prefeitura de Franco da Rocha, São Paulo e o Programa Fome Zero na Prefeitura de Campina Grande, Paraíba.

Atualmente é investigadora de pós-doutoramento no Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra, onde integra o Núcleo de Estudo sobre Democracia Cidadania e Direito e desenvolve um projeto de pesquisa intitulado: “Sede submissos uns aos outros no temor de Cristo” – Uma análise retórico-crítica dos códigos domésticos de Colossenses e Efésios e de suas interpretações pentecostais contemporânea.” Com financiamento da CAPES. Interessada, especialmente em Metodologia e Hermenêutica, Religião e Direitos Humanos e na relação entre Estudos Culturais, Estudos Feministas e uma hermenêutica antropológica de textos sagrados e outros textos.

Leituras Recomendadas:

Fiorenza, Elisabeth, “Empire and the Rhetoric of Subordination”. In: The Power of the Word.

Toldy, Teresa (2015), “Passar as fronteiras”. Por uma teologia feminista pós-colonial em contexto português”. In: Sandra Duarte de Souza & Naira Pinheiro dos Santos (orgs.), Estudos Feministas e Religião: tendências e debates (Vol. 2).

[Os textos propostos estão on-line e são de livre acesso. Caso tenha dificuldade em aceder, poderá enviar um e-mail solicitando os mesmos para gw [em] ces [dot] uc [dot] pt]

[Esta sessão integra o Ciclo Gender Workshop Series VIII que decorre entre outubro de 2017 e junho de 2018]

http://ces.uc.pt/pt/agenda-noticias/agenda-de-eventos/2017/descolonizar-...