Ataque Sonoro - Hip Hop Contra as Fronteiras

Data: 
Sat, 18/08/2018 - 18:00
Local: 
Casa do Brasil - Rua Luz Soriano, 42 - Lisboa

ATAQUE SONORO: HIP HOP CONTRA AS FRONTEIRAS!

Em uma Portugal supostamente não racista, se multiplicam os casos e denuncias de ataques racistas e xenófobos. A polícia, governo e parte da sociedade civil portuguesa insistem que são atos isolados, querendo negar o caráter estrutural que tem o racismo dentro do Estado e da sociedade portuguesa. O ataque racista e covarde contra a estudante colombiana Nicol, com o aval e complacência da PSP, expõe a natureza racista desta instituição. O atual julgamento de uma esquadra inteira da PSP em Alfragide devido a agressão racista contra os irmãos na Cova da Moura em 2015 vem também a explicitar ainda mais esta situação.

Devido a esta realidade, nós, imigrantes e portugueses não brancos, negras e negros, resolvemos nos organizar e dizer BASTA. Recusamo-nos a ser espectadores da nossa exclusão e da nossa humilhação, recusamo-nos a ficarmos calados enquanto nossos irmãos e irmãs são excluídos das oportunidades que são dadas ao resto da sociedade, sendo a eles relegados apenas os piores trabalhos, a dureza da seletividade do sistema penal, ou até mesmo tendo o direito a cidadania completamente negado.

Ressaltamos ainda qua a migração é um direito humano, e que a sua proibição e controle é, além de legalmente questionavel, imoral e injusto. A maioria de nós é oriundo de países que sofreram por séculos com o colonialismo deste mesmo país, mantidos na miséria e no subdesenvolvimento como colônias de exploração. A arbitrariedade das fronteiras só serve para reforçar o controle dos corpos daquelas que são considerados menos humanos pela lógica colonial européia, e não deve nunca ser naturalizado.

Por isso, no maior estilo Nós por Nós, resolvemos nos juntar e fazer um concerto-manifesto, um ATAQUE SONORO para nos fazer ouvir por todos aqueles que tentam nos silênciar. Mais, contribuir para a mobilização e a poiticação do nosso povo, através das expressões culturais que nos são próprias, e que são de facto as nossas armas contra o sistema.

Pelo fim de todo e qualquer controle migratório! Pelo fim de todas as fronteiras!
Paz entre nós, guerra aos senhores!

No Line Up Temos

MULECA XIII
Rap PTBR com batidas que misturam funk e diferentes flows, com letras que falam sobre a luta do cotidiano, proceder, crescimento entre outros. Do RJ para o mundo, Muleca participa desde de 2006 dos eventos de rap do Rio de Janeiro e Minas Gerais.

LBC SOLDJAH
RAP de protesto direto da Cova da Moura, cantado em criolo cv, LBC já é referencia para a cena do Rap feito em Portugal. Cronista da periferia e educador social através do RAP, LBC vem através de batidas agressivas nos lembrar o nosso lugar da guerra de classes.

RASTA GANG
Galera da Lisboa periférica, fazem um RAP e um TRAP relatando o cotidiano da street, desafios e as conquistas,

SOULJAH CM
Direto da Cova da Moura, Souljah traz um Reggae pesado e politizado, denunciando o racismo e as injustiças do cotidiano

Na Casa do Brasil de Lisboa
Rua Luz Soriano 42, Bairro Alto

Entrada FREE/ Di gratis

evento: https://www.facebook.com/events/259017668212407/