ZAD: Vivemos aqui, ficamos aqui!

  • user warning: Table './drupal_indymediapt/captcha_sessions' is marked as crashed and last (automatic?) repair failed query: INSERT into captcha_sessions (uid, sid, ip_address, timestamp, form_id, solution, status, attempts) VALUES (0, 'p4pu24858g17678alct2a7cd56', '54.81.211.100', 1406871958, 'comment_form', '8a325e83bbab353fa1698a66836cc747', 0, 0) in /usr/share/drupal6/sites/all/modules/captcha/captcha.inc on line 99.
  • user warning: Table './drupal_indymediapt/captcha_sessions' is marked as crashed and last (automatic?) repair failed query: UPDATE captcha_sessions SET token='85e2d98910f4ef9a44dc50c5f560c074' WHERE csid=0 in /usr/share/drupal6/sites/all/modules/captcha/captcha.module on line 216.
  • user warning: Table './drupal_indymediapt/captcha_sessions' is marked as crashed and last (automatic?) repair failed query: UPDATE captcha_sessions SET timestamp=1406871958, solution='1' WHERE csid=0 in /usr/share/drupal6/sites/all/modules/captcha/captcha.inc on line 111.

A ZAD, zona ocupada contra a construção de um novo aeroporto em Nantes, França, está há dois dias sob um ataque brutal: 600 polícias, helicópteros, gás lacrimogénio e todo um dispositivo de violência do estado tenta desocupar a zona. Há 40 anos que a população se opõe a este projecto. Há três anos que centenas de pessoas ocupam a zona para a habitar e torná-la num exemplo único de resistência. Desde as barricadas, eis o último comunicado dos ocupantes da ZAD.

Vivemos aqui, ficamos aqui!

Depois de dois dias de resistência e solidariedade, apenas sete casas e um terreno foram desalojados na ZAD, zona ameaçada pelo projecto de aeroporto em Notre-Dame-des-Landes. Por todo o lado, as forças da ordem encontraram a determinação dos opositores sob diversas formas: habitantes recusando deixar as suas casas, outros empoleirados nos telhados, concentrações ao redor dos lugares habitados, barricadas na estradas, opositores vindos de todo o lado para se juntarem à ZAD, etc.

Há horas que os opositores ao aeroporto defendem as parcelas do Sabot, terreno agrícola ocupado colectivamente em 2011, e mergulhado neste momento numa nuvem de gás lacrimogénio, ao som de uma batucada. Acções de solidariedade estão a ser organizadas um pouco por todo o lado.

Ao contrário do que dizem as autoridades, a zona está longe de ter sido esvaziada. Persistem duas dezenas de lugares ocupados, sem contar com os proprietários arrendatários e agricultores que continuam a viver na zona. A pressão policial, de que é exemplo o incêndio de uma cabana sem sequer verificarem se estava ainda ocupada, não vai travar a contestação.

Sem procurar rivalizar com o arsenal militar que a violência do estado pode mobilizar para impor os seus projectos "de utilidade pública", os actos de resistência vão continuar enquanto o projecto não for abandonado

Aqui e fora daqui, de Atenco ao Vale de Susa, passando pelo Chéfresne e por todos os sítios onde se travam lutas, resistimos!

Próximas datas:
20 de outubro, na ZAD: encontro entre opositores ao projecto do aeroporto sobre as perspectivas de luta
no próximo mês: manifestação de re-ocupação na ZAD, data a anunciar em zad.nadir.org

Mais informações: http://zad.nadir.org

reportagem no indymedia "ZAD: contra o aeroporto, ocupar e resistir"
http://pt.indymedia.org/conteudo/newswire/6347

algumas fotos do ataque policial: https://picasaweb.google.com/113382718807039752437/Expulsions#slideshow/...

revista de imprensa:
http://www.scoop.it/t/acipa

ZAD: Vivemos aqui, ficamos aqui!
ZAD: Vivemos aqui, ficamos aqui!
ZAD: Vivemos aqui, ficamos aqui!
ZAD: Vivemos aqui, ficamos aqui!
ZAD: Vivemos aqui, ficamos aqui!

Comentários

Interesses da Vinci em Portugal

Hoje (sabado) esta mais

Hoje (sabado) esta mais calmo. Provavelmente o desalojo da zona recomeça a proxima semana e pode durar muito mais tempo.
Ontem a noite foi reocupada uma casa no centro da ZAD (dum vizinho que foi desalojo no mesmo dia). Ainda estamos ca, ha barricadas, ha uma resistencia forte. Todos os dias ha amigo@s que chegam. Precisamos de mais maos. Todas as maneiras de reacçao contra o aeroporto e o seu mundo, contra Vinci sao bem-vindas, em todo o lado!
Beijos e raiva!

Submeter um novo comentário

O conteúdo deste campo é privado e não irá ser exibido publicamente.
CAPTCHA
Esta pergunta serve para confirmar se és uma pessoa ou não e para prevenir publicaçãos automatizadas
PublicarMelodias