[5 julho / Porto] Concentração contra o Racismo

Local:
STCP - Sociedade de Transportes Colectivos do Porto, SA - Av. Fernão de Magalhães, 1862 - 13º - Porto
Na noite de São João, Nicol Quinayas, cidadã de 21 anos, foi brutalmente agredida por um segurança da empresa 2045, empresa contratada pela STCP, quando tentava entrar para um autocarro junto ao Mercado do Bolhão, no Porto. As agressões físicas foram acompanhadas por diversas expressões racistas e xenófobas, tais como: "tu aqui não entras preta de merda, queres apanhar um autocarro, apanha no teu país”, “estes pretos não mudam”, entre outras da mesma índole.

Após as agressões, o único "auxílio" prestado pela PSP a Nicol foi:"olhe, menina, você está à espera da ambulância. Mas se estiver preocupada com as horas, pode ir embora".

Tudo isto aconteceu, no Porto, em 2018.

Basta de camuflar o racismo e a xenofobia, institucionalizados e enraizados em Portugal. Basta de violência, basta de discriminação!
O Estado tem o dever, tem a obrigação, de garantir ruas e transportes públicos seguros para todas as pessoas, o Estado não pode pactuar com discriminações de género, de raça, de classe, de orientação sexual ou com quaisquer outras formas de discriminação. O Estado não pode continuar a permitir que "segurança" seja sinónimo de violência.

Para combater o racismo e todas as formas de violência, de opressão e de autoritarismo, convocamos uma grande concentração para o dia 5 DE JULHO, PELAS 17h00, EM FRENTE À SEDE DA STCP (nas Antas), e dia 10 DE JULHO, EM FRENTE À 2045, para demonstrarmos todo o nosso repúdio contra a violência, o racismo e a xenofobia!

Contra o preconceito e a violência, insubordinação feminista!

evento: https://www.facebook.com/events/211632742818296/

Comentários

Submeter um novo comentário

O conteúdo deste campo é privado e não irá ser exibido publicamente.
CAPTCHA
Esta pergunta serve para confirmar se és uma pessoa ou não e para prevenir publicaçãos automatizadas