[Porto] Toda a solidariedade com os companheiros detidos!

Companheirxs,
Na madrugada da greve geral dia 14 de novembro, dois companheiros, Rodrigo e Rodolfo, foram detidos pelos corpos de repressao do estado em Matosinhos em seguida a uma acçao contra sucursais dos monopòlios banqueiros que regem tiranica e ilegitimamente as nossas vidas.

Antes de tudo mais, antes de todas as acusaçoes e moralismos, tenho a dizer a nivel pessoal que Rodrigo e Rodolfo tiveram a plena consciencia, reflexao e conhecimento do quê, porquê e contra o que estariam a actuar. Quebraram simbolica e fisicamente a inviolabilidade fisica imposta entre o comum "cidadao", ser baixo a autoridade estatal, e o seu opressor, o capital, nomeadamente representado pelo sistema de créditos monetàrios que define uma lògica esclavagista entre todos os estratos sociais, gerido e centralizado em redor aos bancos, fortalezas da virtual integridade instituida por aqueles a quem mais lhes convém, protegidos pelo braço repressivo do estado, seu lacaio, agora mais que nunca empenhado em defender a reestruturaçao socio-economica da sociedade esclavagista - num processo ironicamente denominado "crise", quando todo este jogo està baseado na lògica monopolistica, por qualquer meio - assim como a nossa resposta serà levada com igual resposta: a sua destruiçao, por qualquer meio possivel, mas nao em nome da ganancia e da supremacia, mas em nome da necessidade, da sobrevivencia, tanto individual quanto colectiva - antes que o fascismo, ultimo laivo de coesao forçada do estado, se institua para finalizar a destruiçao da dissidencia subversiva face aos seus projectos.

Rodrigo e Rodolfo aguardam sentença fora, tendo dia 14 sido conduzidos da esquadra para o tribunal de matosinhos, ao que, pelpo tipo de ocorrencia, foram transferidos para o TIC, estando acusados por dano qualificado de valor alto, podendo isso traduzir-se numa pena condicional e mais medidas coercivas... agora mais que nunca é necessaria toda a solidariedade para com os companheiros victimas directas de todo o aparelho de repressao - recordemo-nos, a sua primeira linha repressiva é o "ministerio da informaçao", ou seja, a opiniao publica instituida, os mass merda, que golpe por golpe, mentira por mentira, alienado por alienado, tentarao dividir e pré-condenar quem quer que apoie os companheiros e a sua luta concreta, activa e directa.
Nao os esqueçamos nos calabouços da repressao - tanto pela acçao como pela palavra, levantemos a barricada entre as nossas vidas e a escravidao instituida!

TODA A SOLIDARIEDADE A RODRIGO E RODOLFO,

ACÇÂO CONSEQUENTE FRENTE A VIOLENCIA INSTITUCIONALIZADA,

SE NOS TIRAM A PALAVRA, GRITEMOS, SE NOS AGRIDEM, DEFENDAMO-NOS, SE NÂO NOS ESCUTAM, ATAQUEMOS!

Alguem afim aos companheiros sequestrados.

Comentários

na minha opiniao e bem vindo

na minha opiniao e bem vindo todo o tipo de acçao de solidariedade, mas para os rapazes economicamente dava-lhes jeito seguramente uns benefits, visto que devem apanhar uma multa do crl..

duvidas

Os compas estão ainda nos calabouços ou ficaram livres a espera da sentença?

Ha algum e-mail de comunicação com a gente que ta a promover a solidariedade com os detidos, pra poder entrar em contacto directo? Por favor enviem uma mensagem pra contrainfo [em] espiv [dot] net.

SOLIDARIEDADE COM RODRIGO E RODOLFO!

Os companheiros passaram a

Os companheiros passaram a noite nos calabouços e foram a tribunal no dia seguinte para serem constituidos arguidos e conhecerem a medida de coação, que é a de apresentações periodicas na esquadra. De seguida foram libertados e estão a aguardar julgamento.
Até eles se pronunciarem sobre o assunto eu aconselhava a que o pessoal publicamente não o comentasse até de forma a isso não ser uma questão que possa vir a influenciar o caso em tribunal.
De qualquer forma, eles estão ao corrente da solidariedade.

que tipo de apoio é

que tipo de apoio é necessário? faz falta algum benefit?

Opções de visualização dos comentários

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

Submeter um novo comentário

O conteúdo deste campo é privado e não irá ser exibido publicamente.
CAPTCHA
Esta pergunta serve para confirmar se és uma pessoa ou não e para prevenir publicaçãos automatizadas
PublicarMelodias