A morte "pró-vida" de Savita na Irlanda

  • user warning: Table './drupal_indymediapt/captcha_sessions' is marked as crashed and last (automatic?) repair failed query: INSERT into captcha_sessions (uid, sid, ip_address, timestamp, form_id, solution, status, attempts) VALUES (0, 'jhcnp8a0msn60ven1itie4rp16', '54.196.181.109', 1406637895, 'comment_form', '045690121a61c076152ec7177c49363a', 0, 0) in /usr/share/drupal6/sites/all/modules/captcha/captcha.inc on line 99.
  • user warning: Table './drupal_indymediapt/captcha_sessions' is marked as crashed and last (automatic?) repair failed query: UPDATE captcha_sessions SET token='0272f2a187e15d1c21ce9605cb78ce7d' WHERE csid=0 in /usr/share/drupal6/sites/all/modules/captcha/captcha.module on line 216.
  • user warning: Table './drupal_indymediapt/captcha_sessions' is marked as crashed and last (automatic?) repair failed query: UPDATE captcha_sessions SET timestamp=1406637895, solution='1' WHERE csid=0 in /usr/share/drupal6/sites/all/modules/captcha/captcha.inc on line 111.

Savita Halappanavar, de 31 anos, morreu num hospital irlandês, depois de lhe ser negado um aborto. Tendo sido internada com dores lombares, foi descoberto que Savita estava a ter um aborto espontâneo de uma gravidez de 17 semanas.

Durante o internamento, os médicos recusaram-se a realizar o aborto apesar de não existir quaisquer hipóteses de sobrevivência do feto, e foi-lhe dito "this is a catholic country". Savita, em sofrimento durante três dias, não viu nunca respostas ao seu apelo, uma vez que ainda se podia escutar o batimento cardíaco do feto.

Quando o feto foi considerado morto e removido, Savita não sobreviveu à septicemia causada pelo aborto e morreu no dia 28 de Outubro.

Adensa-se agora na Irlanda a luta pela reforma das leis vigentes para que o aborto seja legalizado em situações específicas, tais como no caso de risco de vida da mãe.

+ info

http://www.indymedia.ie/article/102721

http://www.choiceireland.org/content/choice-ireland-renews-calls-abortio...

Comentários

Submeter um novo comentário

O conteúdo deste campo é privado e não irá ser exibido publicamente.
CAPTCHA
Esta pergunta serve para confirmar se és uma pessoa ou não e para prevenir publicaçãos automatizadas
PublicarMelodias