Crónica da manif de 27 de novembro

Depois da repressão policial da manifestação da greve geral, no dia 14 de Novembro, a apatia do povo Português fez-se sentir mais uma vez. Os manifestantes que tinham vindo à manifestação da CGTP para protestar contra o Orçamento de Estado e 2013 começaram a sair mesmo antes do hino Português, que marca o final de qualquer manifestação da CGTP. Às 12:50 já só restavam cerca de uma centena de manifestantes, quando uma grande parte dos sindicatos só tinha chegado pelas 11:20. Esta manifestação teve todas as características de todas as outras organizadas pela CGTP. Previsível, monótona, repetitiva, curta, e sobretudo, com a grande maioria dos manifestantes ostentando uma completa falta de vigor e entusiasmo. A maioria parece estar lá por obrigação. Vieram picar o ponto, e desta vez, dado os acontecimentos do dia da greve geral, o espaço à frente à Assembleia esvaziou-se com uma rapidez inédita. Neste dia a CGTP mereceu mais do que nunca a distinção de ‘Guardião do Portão-Mor‘.

Lê o resto
http://casadasaranhas.wordpress.com/2012/11/27/manifestacoes-da-cgtp-ou-...

Comentários

Submeter um novo comentário

O conteúdo deste campo é privado e não irá ser exibido publicamente.
CAPTCHA
Esta pergunta serve para confirmar se és uma pessoa ou não e para prevenir publicaçãos automatizadas
PublicarMelodias