Jornalista descobre planos do FBI para assassinar líderes do Occupy Wall Street. E agora Nobel da Paz Barack Obama?

Jason Leopold, um jornalista do Truth-Out, descobriu que o FBI ”planejava organizar ataques com atiradores furtivos contra manifestantes”. Segundo os documentos revelados, “a inteligência indicou que os manifestantes de Nova York e Seattle tinham planeado protestos semelhantes em Houston, Dallas, San Antonio e Austin, Texas” o que levou o FBI a “reunir informações contra os líderes dos grupos de protesto, obter fotografias e, em seguida, formular um plano para assassinar as lideranças através de snipers.”

Esta notícia, que está a ser divulgada pelos principais meios de comunicação com independência face ao império, parece não ter importância aos olhos dos editores comprometidos com o consenso e não saiu das caixas de correio electrónico dos bantustões do pensamento único. Se fosse um plano para retirar pedras da calçada, e fazer com que estas caíssem sobre polícias armados e preparados para a guerra social, encontrado num qualquer alçapão anarquista, quantas pessoas já teriam sido chamadas pelo bureau? Se esta notícia nos chegasse de Caracas, de Gaza ou de Teerão, quantos títulos os respectivos governos já teriam tido direito por querer eliminar as diferentes “oposições democráticas”?

Perdida a batalha pela razão, sobra-lhes a pólvora e a cobardia. Obama, como é evidente, tem responsabilidades e há cabeças que terão que rolar. Ou Washington retira de cena quem orquestrou este plano ou, a preferir o silêncio, relega a quem, mais ou menos como eles, esteja disposto a fazê-lo pela calada. “One man’s terrorist is another man’s freedom fighter” é um postulado que nunca como hoje fez tanto sentido, sendo que Obama, como o FBI, estão do lado do terror.

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=A5BHbiNBIas

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=mXqCK6nsHFI

retirado daqui http://5dias.net/

Comentários

Submeter um novo comentário

O conteúdo deste campo é privado e não irá ser exibido publicamente.
CAPTCHA
Esta pergunta serve para confirmar se és uma pessoa ou não e para prevenir publicaçãos automatizadas
PublicarMelodias