Mais uma dos picaretas da Funai, CMI, CIMI e Survival International

Mais uma dos picaretas da Funai e seus aliados

A Justiça Federal de Ilhéus mandou reintegrar quatro propriedades que haviam sido invadidas por supostos índios A primeira delas, invadida pela 3ª vez em julho deste ano, foi encontrada com a sede destruída. Tudo roubado. Num gesto insensato, um coordenador da Funai sugeriu ao proprietário que se cadastrasse como índio, a exemplo da sua vizinha Isabel que se cadastrou. Assim se pode aumentar a área indígena sem conflitos.

Os agentes cumpriram mais dois mandados. Ao Chegar noutra fazenda (Grupo Chaves), os “índios” invasores correram. Entre os evadidos, foi reconhecido o “Cacique” Cleildo, um ex-sem terra, assentado do INCRA, que do nada virou índio e passou a ser cacique, infernizando aquela região.
.
Que Deus proteja a todos nós

Conselho Mundial de Igrejas e sua atuação em prol do paganismo indigena

O Conselho Mundial de Igrejas é a principal organização aliada dos picaretas do indigenismo (CIMI e Survival International). Não existiria violencia e picaretagens no Brasils e não fosse o apoio desta importante organização ecumênica européia. Tudo que é violencia no campo tem o "dedo" desta organização. Em Raposa Serra do Sol (Roraima) e Suiá Missu (Vale do Araguaia, Mato Grosso) milhares de familias foram brutalmente agredidas pelas forças federais apenas para agradar aos picaretas do indigenismo internacional, principalmente o CMI.

O fato desta organização ser supostamente cristâ mas apoiar todo tipo de violencia contra brasileiros se deve ao fato das igrejas que a compoem serem as mais corruptas denominaçôes. São igrejas que apodreceram moralmente com o passar do tempo e agora manifestam esta mesma podridão moral na forma de violencia contra o povo trabalhador do Brasil.

Fonte: Blog da Resistencia Suiá Missu

Galeria
Resistindo aos picaretas do CMI

Comentários

Opções de visualização dos comentários

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

Submeter um novo comentário

O conteúdo deste campo é privado e não irá ser exibido publicamente.
CAPTCHA
Esta pergunta serve para confirmar se és uma pessoa ou não e para prevenir publicaçãos automatizadas
PublicarMelodias