Solidariedade com Cassandra Vera

O fascismo judicial espanhol volta a atacar. Cassandra Vera foi condenada a um ano de prisão efectiva e à perda dos seus direitos, enquanto estudante, e os de cidadania, por ter assinalado de forma jocosa o aniversário da morte de Carrero Blanco (1903 —1973), o almirante espanhol, chefe do governo fascista de Franco, num atentado da ETA.

Como se dizia na altura: "Arriba Franco, más alto que Carrero Blanco".

Muitos são os filhos de Franco que ainda por aí vegetam! Puta que os pariu. Os de ontem e os de hoje! E não se pode exterminá-los?

http://www.publico.es/sociedad/tuitera-cassandra-condenada-ano-prision.html

Portal Anarquista (Facebook)

Comentários

Submeter um novo comentário

O conteúdo deste campo é privado e não irá ser exibido publicamente.
CAPTCHA
Esta pergunta serve para confirmar se és uma pessoa ou não e para prevenir publicaçãos automatizadas