Jornal Gueto: Olhos, Ouvido e Vozes – Edição 2017

"Este é mais um número do jornal “Ghetto Ouvidos e Vozes”, num esforço para expressar os problemas que afetam as comunidades africanas em Portugal, e ser parte ativa na busca de soluções para as nossas vidas. Infelizmente os obstáculos que enfrentamos não dão mostras de querer desaparecer, muito pelo contrário. Continuamos a ressentir as consequências do colonialismo e da escravatura, que contrariamente ao que muita gente pensa não são coisas do passado, mas sim processos que apenas mudaram de forma. Basta pensarmos que ainda estamos dependentes dos europeus em áreas fundamentais da vida como cultura, política, economia e religião.

Ainda temos a ilusão de que o problema do opressor é nosso problema e procuramos a solução para os nossos problemas na solução que o opressor nos oferece. Não estamos a andar com os nossos próprios pés, e o facto de estarmos na europa, muitas vezes apenas nos afasta mais da liberdade e autonomia de que necessitamos. A nossa condição económica e financeira cada vez se degrada mais, continuamos a ser mortos barbaramente pela polícia portuguesa, cuja impunidade estamos obrigados a assistir; continuamos a ser despejados de forma injusta das nossas casas; as prisões pintam-se de cor negra; somos desavergonhadamente segregados no trabalho, à exceção das áreas que nosso desenvolvimento coletivo. servem as necessidades e o entretenimento das classes que nos oprimem; somos mantidos longe dos centros de tomada de decisões que afetam as nossas vidas; portanto, estamos a ser brutalizados de todas as formas. É
por tudo isso que este jornal é a voz de quem não tem tido voz neste país, e apelamos a todos os irmãos e irmãs: juntem-se a nós, juntem-se à Plataforma Ghetto. Com a nossa união a vitória é certa. Depois de tantos séculos de dominação e submissão, chegou a hora de virarmos o jogo definitivamente."

Podem consultar o jornal na intega aqui | http://bit.ly/2oXOjP3

https://www.facebook.com/PlataformaGueto/

Comentários

Submeter um novo comentário

O conteúdo deste campo é privado e não irá ser exibido publicamente.
CAPTCHA
Esta pergunta serve para confirmar se és uma pessoa ou não e para prevenir publicaçãos automatizadas