[Porto] Solidariedade com os presos palestinianos em greve de fome

Em função da greve de fome de mais de 1500 presos palestinianos, um grupo de pessoas reuniu-se no Porto para preparar a solidariedade. O primeiro passo foi a criação duma página informativa. Outros passos se seguirão nos próximos dias.

Para quem se quiser mobilizar (acima de tudo), mas também para quem quiser apenas informar-se, a página chama-se «Solidariedade com os presos palestinianos em greve de fome» e abre com o seguinte texto:

«Mais de 1500 presos palestinianos iniciaram uma greve de fome no dia 17 de Abril. Em causa está um conjunto de reivindicações, como direito a visitas, a cuidados de saúde, o fim do isolamento e de detenções sem acusação formada ou julgamento. O estado de saúde destes presos agrava-se de dia para dia, sendo a água com sal um precisoso aliado de sobrevivência. E até o acesso a sal lhes está a ser negado. Enquanto isto, o governo de israel não só se recusa a negociar como tem intensificado as sanções aos presos em greve de fome. A polícia de ocupação israelita tem também reprimido e proibido todas as concentrações de apoio organizadas pelas famílias dos presos. Um pouco por todo o mundo têm-se reproduzido manifestações de solidariedade e denúncia perante esta situação, mas em Portugal a visibilização é claramente insuficiente.

Se a situação na Palestina já era dramática, injusta e profundamente ignorada pela comunidade internacional, parece-nos grave que esta greve de fome alargada não esteja a ser alvo de uma denúncia em Portugal como tem sido noutros países um pouco por todo o mundo. Esta página serve, por isso, para divulgar as poucas notícias que existem sobre o assunto, para que esta situação não passe em branco.»

Comentários

Submeter um novo comentário

O conteúdo deste campo é privado e não irá ser exibido publicamente.
CAPTCHA
Esta pergunta serve para confirmar se és uma pessoa ou não e para prevenir publicaçãos automatizadas