Quando o silêncio fala mais alto. Jornalistas espanholas em greve no Dia da Mulher

Quando os espanhóis ligaram, esta manhã, o seu rádio ou a sua televisão, não ouviram as habituais vozes femininas que apresentam os noticiários matutinos: as jornalistas espanholas trocaram os seus relatos informativos por palavras de ordem contra a desigualdade de género e juntaram-se àquela que é a primeira greve feminista da história em Espanha.

Continuar a ler

Comentários

Submeter um novo comentário

O conteúdo deste campo é privado e não irá ser exibido publicamente.
CAPTCHA
Esta pergunta serve para confirmar se és uma pessoa ou não e para prevenir publicaçãos automatizadas