Relato da Assembleia Municipal Extraordinária da CMPorto com ponto único de ordem de trabalhos: políticas de habitação*

Relato da Assembleia Municipal Extraordinária da CMPorto com ponto único de ordem de trabalhos: políticas de habitação*.

. As minhas companheiras de luta não vacilaram. Nem dentro da Assembleia nem quem esteve cá fora a fazer barulho que levou a que se fechassem as janelas num dia de abafo. Estamos junts!

. A Polícia fez as pessoas dispersarem e voltaram a abrir-se as janelas para especial regozijo do presidente da assembleia que até nos brindou com uma piada.

. TODAS as propostas foram rejeitadas. Uma falta de honestidade intelectual e de humanidade.

. De 39 deputados, surgem propostas de grupos que totalizam 7 deputados.

. Deputados riem quando numa intervenção é usada a expressão 'bullying imobiliário'.

. Rui Moreira sugere que quem quer viver na rua das flores que considere também ir para a corujeira. Confirma mais uma vez ser um super Fanático Dos Popós.

. Diz também haver muitas maneiras de cozinhar frango neste sem fim de metáforas idiotas com que distrai.

. Pereira Leite e André Noronha continuam personagens de difícil digestão. Vamos prestar mais atenção aos seus fundos de investimento e sociedade de advogados, respectivamente. Promessa.

. Fonseca é letra e treta.

. As intervenções do público foram feitas quase à 1 da manhã.
. Mas o recado ficou dado: "NÃO NOS CALAMOS E NÃO VAMOS EMBORA"

Sessão Ordinária da Assembleia Municipal do Porto, dia 25 de junho de 2018

Comentários

Submeter um novo comentário

O conteúdo deste campo é privado e não irá ser exibido publicamente.
CAPTCHA
Esta pergunta serve para confirmar se és uma pessoa ou não e para prevenir publicaçãos automatizadas