Confessa violação de turista e leva pena suspensa

https://www.jn.pt/justica/interior/confessa-violacao-de-turista-e-leva-p...

Deu boleia a uma turista inglesa, numa estrada de Aljezur, em Lagos, no Algarve e levou para um local ermo onde a violou. Acabou detido pela Polícia Judiciária e foi, esta quarta-feira, condenado a quatro anos e seis meses de cadeia, suspensa da sua execução, depois de ter integralmente confessado os factos.

Foi no dia 14 de abril do ano passado, que o indivíduo, de 33 anos, conduzia um reboque quando viu a turista a pedir boleia para Faro, na berma da estrada. Parou o veículo e disse à vítima que podia levá-la ao destino. Acabou por violá-la a meio do caminho, num local ermo.

No julgamento que decorreu no Tribunal de Lagos, o homem confessou tudo e o tribunal entendeu dar uma oportunidade, deixando-o em liberdade com regime de prova. Também foi condenado a pagar dois mil euros à vítima.

Ao JN, Miguel Teixeira, advogado da vítima disse que "estamos perante um processo de especial sensibilidade, no qual o arguido confessou a pratica dos factos de que vem acusado, sem reservas e onde a produção de prova foi de encontro aos factos que constam na acusação", disse o advogado que a indemnização será revertida a favor da Associação Portuguesa de Apoio à Vítima, de acordo com o desejo da vítima.

Comentários

Submeter um novo comentário

O conteúdo deste campo é privado e não irá ser exibido publicamente.
CAPTCHA
Esta pergunta serve para confirmar se és uma pessoa ou não e para prevenir publicaçãos automatizadas