NO PASARÁN!Discriminação

O fascismo é, antes de tudo, uma "cultura", uma maneira de ser, de se comportar. O fascismo é o desejo de dominar as pessoas, a natureza e o território. O fascismo é arrogância, a negação de todos os direitos, a repressão dos que não pensam da mesma maneira, o desprezo ao diferente.


14,570 leituras     4 comentários
Concentração anti-capitalista. A crise dos poderosos é a festa dos oprimidosMovimentos sociais

Já há muito que se ouve falar em crise. Para os mais velhos, é uma constante desde há anos, quando a política se passou a resumir ao "inevitável" e não mais à energia que preencheu as ruas e ocupou fábricas. Para os mais novos, tem acompanhado toda a sua existência, como uma espécie de "acção" preventiva que os prepara para a vida adulta. Porque a política não se resume ao inevitável e porque a história não está escrita, um grupo de pessoas apela a uma concentração anti-capitalista dia 29.


16,310 leituras     53 comentários
Quinta greve geral na Grécia: apelo à luta conjunta com outros povos da EuropaEconomia, Movimentos sociais

Desde o início da crise grega, o governo tem "tentado convencer" os trabalhadores a aceitar perder os seus direitos em nome "da salvação da economia", mas acrescentando que irá impôr essas medidas. No passado dia 20 de Maio, o povo grego realizou mais uma greve geral, demonstrando o seu repúdio em relação às medidas de austeridade impostas pelo governo. A repressão de sectores mais radicalizados foi brutal. A insurreição do povo grego apela agora à insurreição dos outros povos da Europa.

After the Greek Riots
15,777 leituras     2 comentários
Governo constrói nova e aumentada prisão para imigrantesDiscriminação, Repressão

O centro de detenção temporário de imigrantes no Porto será brevemente transferido para Sintra. As instalações poderão ser renovadas, mas o objectivo mantém-se: encarcerar indesejados, enquanto não são expulsos. Como se o direito à mobilidade não estivesse consagrado universalmente.

centros de detenção para imigrantes, migração
15,073 leituras     1 comentários
Exércitos nas ruasGuerra e Militarismo, Repressão

O inimigo é cada vez menos um exército convencional e cada vez mais uma entidade informal de guerrilheiros urbanos, massas completamente desapossadas, formações “terroristas” e também grupos menos organizados como os que emergem em situações insurreccionais. O controlo preventivo e a repressão de sublevações ou insurreições serão cada vez mais uma prerrogativa dos exércitos, que passará a ter funções de verdadeira polícia territorial, ao mesmo tempo que esta se militariza.


15,904 leituras     0 comentários
Serralves: ACT confirma existência de falsos recibos verdesEconomia

Os movimentos de trabalhadores precários tiveram acesso ao esperado relatório da ACT sobre a situação dos recepcionistas despedidos pela Fundação de Serralves, depois de coagidos a formar uma empresa após anos a trabalhar para a instituição em regime de recibos verdes. O relatório é totalmente claro sobre o essencial: existe uma relação de trabalho que deveria ser mediada por contratos de trabalho, ou seja, trata-se duma situação flagrante de falsos recibos verdes.

despedimentos em Serralves
12,626 leituras     0 comentários
PREC contra o PEC!Economia, Movimentos sociais

Em nome da contenção orçamental e do combate à crise, provocada pela especulação financeira e pela ganância dos grandes grupos económicos, o actual governo PS prepara-se para impor as regras ditadas por quem não chegou a prever que haveria crise e aprovar uma série de medidas que visam retirar ainda mais a quem já pouco tem.

PEC
11,603 leituras     3 comentários
O papa, a polícia e uma esfregona

Ontem, 11 de maio, alguns polícias à paisana tentaram, armados de uma esfregona, retirar faixas com mensagens pouco consensuais sobre a vinda do papa a Lisboa. Parecem não ter conseguido.


13,330 leituras     5 comentários
Desinformar para reprimirMovimentos sociais, Repressão

A relação entre a especulação imobiliária duma zona tão apetecível como aquela onde se situava a okupa da Restauração, no Porto, e o despejo dos seus habitantes nunca aparecerá no jornal da tarde da SIC. Da mesma forma, a estupidez da acusação de incentivo ao assassinato do beato Cavaco Silva nunca será desmascarada pelo Público ou pelo Expresso. A repressão que já veio e a que vier estarão sempre legitimadas em todos os quiosques e televisões do país.


11,409 leituras     0 comentários
Podemos!Economia, Movimentos sociais, Repressão

“Os e as que somos e que estamos aqui para inventar a resistência contra a onda de fascismo que nos impõem, necessitamos da solidariedade de cada um e de cada uma, de todos e todas na Europa e no mundo que sejam companheiros e companheiras. Trata-se da nossa vida, da nossa dignidade, da vossa vida e da vossa dignidade”.


11,543 leituras     1 comentários
Syndicate content